BLOG SALK MEDICAL

CENTRO CIRÚRGICO: QUALIDADE E EFICIÊNCIA

Quando pensamos ou precisamos passar por uma cirurgia buscamos sempre por referência. E a nossa escolha por este ou aquele hospital acaba sendo pautada em indicação de pessoas próximas ou pela boa referência do hospital como um todo.

De um modo bem seguro e importante, os hospitais como um todo, têm como preocupação da sua administração a busca pela excelência na sua especialidade, no quadro médico, no seu atendimento e na tecnologia usada no atendimento aos seus pacientes.

Então, quando falamos em Centro Cirúrgico, precisamos considerar dois adjetivos de extrema importância. A Qualidade e a Eficiência.

Programa Piloto da Organização Mundial de Saúde

Um Centro Cirúrgico precisa transmitir segurança aos pacientes e ótimas condições de trabalho para o seu quadro médico. A OMS criou um método para mensurar a qualidade dos centros cirúrgicos na Inglaterra e, ao aplicar este método, as taxas de morte e complicações cirúrgicas caíram 30% nos hospitais que participaram deste programa piloto.

Como funciona este método

Basicamente o método desenvolvido pela OMS é um Check List para a realização de uma Cirurgia Segura. Esta lista é dividida em três passos de verificação que são:

Sign In – Neste passo a equipe deve conferir os dados do paciente, qual o tipo de procedimento a ser realizado, verificar se as equipes médica e assistencial estão completas e em sala, se necessário o uso de medicamento especial, se materiais e equipamentos estão disponíveis e prontos para uso, repassada a região operatória do paciente. Tudo isso deve ser feito antes da aplicação da anestesia.

Time Out – antes do primeiro corte as equipes, tanto assistencial quanto a médica realizam uma segunda checagem dos dados do paciente, do procedimento, da equipe em sala, da reserva de sangue, da necessidade de medicamentos, etc. Este passo é considerado mais importante para evitar erros e possíveis danos ao paciente.

Check Out – depois de realizado o procedimento, a equipe confere novamente todos os dados, se o proposto foi executado e então o paciente é encaminhado para o pós-operatório imediato. Em paralelo a este passo são realizados outros procedimentos que visam garantir qualidade aos pacientes e prevenir infecções. O material usado passa por um rigoroso processo de esterilização e limpeza.

Cada parte destes processos é mensurada através de indicadores preestabelecidos para que a Qualidade possa ser garantida tanto para a segurança e bem estar do paciente como o controle da administração do Hospital.

Monitoramento da Entrada até a Alta

O hospital deve monitorar a jornada do paciente desde a sua entrada até o momento do paciente receber a tão esperada alta médica.

Ao entrar no centro cirúrgico o paciente não faz ideia de quantos processos são necessários para o sucesso de uma cirurgia. A eficiência dentro de um centro cirúrgico é medida através da realização correta de todos esses processos.

Do agendamento cirúrgico de cada procedimento, onde constam todas as necessidades do paciente, a Central de Autorização do hospital que valida do procedimento junto aos convênios para a autorização da cirurgia. Um dia antes do procedimento é feito um pré check-in para a confirmação dos dados do paciente e também horário e orientações ao paciente.

Desta forma é possível garantir a eficiência e passar segurança ao paciente no dia da cirurgia. O cumprimento “à risca” destes processos faz com que a equipe dedique foco total na cirurgia, respeitando os processos e a realização dos procedimentos dentro do horário previsto. Só assim a equipe pode garantir o sucesso da cirurgia com o máximo de qualidade e eficiência.

Falar agora
1
Olá precisa de ajuda?
Olá como podemos ajudar?